O uso da terceirização da mão de obra de TI no setor público tem crescido ao longo dos anos. Tal fato se deve à necessidade de maior adaptação das organizações governamentais às demandas da população, que exige agilidade, transparência e qualidade dos serviços. Isso só é possível quando há ajuda de tecnologia de ponta e profissionais especializados. 

Neste artigo, você conhecerá mais sobre as vantagens que isso representa para os órgãos públicos. Antes, porém, entenda mais quais os custos de manter uma equipe de TI interna e por que nem sempre essa opção é interessante para a instituição!

Os custos de ter uma equipe de TI interna

Quando falamos de equipes internas de TI, precisamos considerar o fato de que a manutenção de um time qualificado e experiente gera custos altos para uma organização pública, assim como em uma empresa privada.

Uma vez que a opção pela equipe de TI interna é feita, deverão ser observados os gastos obrigatórios com os profissionais contratados. Isso significa que será preciso seguir as condições básicas de salários estabelecidas em convenções coletivas do setor.

Além disso, obedecer a legislação e todas as questões ligadas aos encargos trabalhistas, como férias, 13º salários, benefícios, mas também rescisões e outros. Sem contar a necessidade de desenvolvimento constante. Afinal, para oferecer um serviço de qualidade, os funcionários precisam passar por treinamentos frequentemente, o que exige investimentos por parte da organização.

Ainda mais quando se trata de TI, que precisa da continuidade do bom funcionamento dos sistemas de dados e processos sem interrupções, bem como a escalabilidade, a alta disponibilidade de toda a infraestrutura e a qualidade dos serviços.

Ter uma equipe de profissionais de TI que estão prontos para atender às demandas de um órgão público representa uma despesa. O valor total a ser gasto ainda incluirá a implementação e a manutenção das tecnologias, pois é preciso não só bons profissionais, mas também ferramentas avançadas, que serão instrumentos de trabalho para essas pessoas.

Os benefícios da terceirização da mão de obra de TI

A tecnologia da informação é cada vez mais aplicada no dia a dia das organizações públicas. Para que as soluções sejam palpáveis e facilitem o dia a dia dos servidores, a terceirização da mão de obra de TI costuma ser a opção mais eficaz e proveitosa. Isso se deve aos benefícios obtidos, como mostraremos a seguir!

Mão de obra qualificada

Como já dissemos, ter uma equipe altamente qualificada para atuar na área de TI exige um grande investimento por parte da organização que opta por profissionais internos. Nem sempre o orçamento é compatível com a manutenção de profissionais alocados na organização. 

A opção pela terceirização de TI é justamente para não perder a eficácia técnica trazida pelos profissionais da prestadora de serviços. Além de apresentar resultados eficientes, a opção por esse tipo de serviço ajuda a ter maior disponibilidade de pessoal especializado, aumentando a cobertura de serviços, sem que para isso seja preciso fazer contratações. 

Ou seja, a organização pagará uma taxa mensal pelo serviço e terá à disposição uma equipe completa e especializada para lidar com as questões cotidianas ligadas à tecnologia. Tais aspectos, quando reunidos, ajudam a organizar a gestão e garantir a credibilidade do órgão público perante a sociedade, visto que a tecnologia ajuda a tornar os processos mais ágeis.

Solução eficiente

Falando em agilidade, a terceirização da mão de obra de TI também traz uma outra vantagem, que é a solução eficiente oferecida pela empresa contratada. Esses provedores de serviços costumam estar sempre antenados com relação às tendências na área de tecnologia, a fim de oferecer um serviço avançado e inovador, que a faça se destacar no mercado, buscando atender às demandas dos clientes. 

Tal preocupação, em uma era em que as tecnologias mudam com frequência, ajuda a trazer maior escalabilidade para as organizações públicas, evitando que elas se tornem obsoletas. Além do mais, as soluções oferecidas costumam trazer novos recursos sempre, fundamentais para a otimização do trabalho dentro da organização pública.

Aumento da produtividade

Outro benefício é o aumento da produtividade dentro dos órgãos públicos. A especialidade das empresas prestadoras de serviços e dos profissionais a elas ligados faz com que as soluções tragam mais eficácia para o cotidiano das repartições, melhorando, inclusive, o atendimento. 

Ademais, temos a experiência da empresa, que ajuda na execução de processos de TI com qualidade e em um espaço menor de tempo, o que consequentemente interfere na produtividade. Inclusive, isso desencadeia outras vantagens, como redução de perdas, mitigação de ameaças e melhora na experiência da população, que depende desses serviços. 

Sem contar que os servidores podem atuar de forma estratégica dentro dos órgãos públicos e focar as atividades-chave do setor público. Assim, melhoram a qualidade das entregas, visto que elas serão impactadas pelo uso eficiente das tecnologias.

Agilidade no suporte

A agilidade no suporte é outro ponto que merece destaque, quando falamos sobre terceirização da mão de obra de TI. Caso aconteça qualquer falha, o suporte poderá ser acionado, afinal, a empresa prestadora do serviço terá profissionais capacitados para atender com agilidade às solicitações.

Vale lembrar que isso acarreta em uma gestão pública mais eficiente, já que a continuidade dos processos será garantida. No próprio contrato, são firmados acordos que envolverão resultados esperados pelo contratante da equipe de TI. Nesse caso, são avaliados fatores que vão desde as métricas até os indicadores que medirão a performance.

Dependendo do tipo de contrato, o não cumprimento das metas estabelecidas entre as partes pode até gerar penalidades para a empresa terceirizada. Portanto, o mais comum é que elas entreguem serviços de suporte cada vez mais ágeis para contribuir com o seu renome no mercado e ajudar as organizações públicas a manter os seus serviços de maneira qualificada.

A terceirização da mão de obra de TI funciona de maneira semelhante à que acontece nas empresas privadas. Logo, vale a pena fazer a opção por esse tipo de serviço se houver essa possibilidade oferecida pelo órgão público em questão. Os resultados alcançados serão melhores, sem contar que isso impactará na imagem da organização junto à população. 

A Digix vem trabalhando há algum tempo com outsourcing de mão de obra em TI. Para saber mais sobre o serviço, entre em contato conosco!